O que você faz?

Trainee de Finanças na GE. Formada em Economia.

 

Por que você está fazendo o exame / obtendo a qualificação? 

Desenvolvimento profissional e técnico. Interesse na área.

 

Como você ouviu pela primeira vez sobre CFA? 

Na faculdade, o Ricardo Couto, CFA, foi meu professor da matéria Gestão de Investimentos e Riscos e foi a primeira vez que fiquei conhecendo sobre o CFA.

 

Qual valor isso irá adicionar para você?

Além do conhecimento, tenho interesse em trabalhar por um tempo fora do Brasil e o CFA tem bastante peso no CV.

 

Sobre o que você está entusiasmado? 

Terminei o primeiro nível e independente do resultado eu já estava feliz de o quanto eu aprendi com o meu estudo. Consegui aplicar os conceitos estudados no dia a dia do trabalho e isso me motivava durante os estudos e a manter estudando para os próximos níveis.

 

Como o estudo o ajudou até agora? 

Estudar para o CFA é dedicação e tempo. A prova exige um nível de conhecimento avançado e de diversas áreas, sendo impossível estudar em um curto espaço de tempo e poucas horas. O estudo me ajudou a performar muito melhor em meu trabalho: Commercial Finance – precificação e negociação de contratos de turbinas eólicas.

 

Você tem algum conselho para outros alunos?

1- Não desista. O CFA não são apenas provas, é todo o estudo e dedicação  que você investe em si mesmo.

2- Não se prenda a detalhes, cobrir a matéria inteira e praticar exercícios é mais importante do que aprender um módulo muito bem.

Links

Mais informações sobre CFA.